by Hellder 'Lage' de Pinho
xiba-te
by Hellder Pinho, em 12.05.12 às 19:15link do post | favorito

Dumas e d'outras são as historias deste romance, este histórico de capa e espada é singular, pela forma simples e “simpática” de encarar as situações, Alexandre Dumas tão depressa escreve que o taberneiro avia copos e rabisca despesas, como com a mesma ligeireza faz os heróis desembainhar a espada e espetar umas quantas estocadas num qualquer guarda do cardeal, e a seguir irem ter com uma qualquer amante. Para quem na sua juventude viu a série de animação Dartacão e agora lê este livro, torna-se um pouco difícil de o encarar como uma obra para gente crescida, o que de facto é. Um livro habilmente escrito e de leitura contagiante, nada melhor que as palavras do autor (narrador) para o descrever:

"falais como o Apocalipse e sois verdadeiro como o Evangelho".

 

Os Três Mosqueteiros – Alexandre Dumas

Os Três Mosqueteiros – Alexandre Dumas


tags:

teias de aranha
Shelfari: Book reviews on your book blog
pesquisar
 
blogs SAPO