by Hellder 'Lage' de Pinho
xiba-te
by Hellder Pinho, em 31.10.09 às 09:19link do post | favorito

Para alguns o Google Street View está a ser encarado como um Big Brother em que as suas imagens (instantâneos) violam a intimidade dos transeuntes. Para outros esta ferramenta representa uma nova forma de viagem virtual á descoberta do admirável mundo urbano.

 

«Alguns polícias passeavam os seus uniformes verdes entre a fauna local. Os nigerianos, com as mãos nos bolsos e olhos assustados, simulavam esperar por um autocarro que nunca chegaria, confiantes que o frio e a chuva afastariam a bofia para continuarem a oferecer as suas barras de haxixe adulterado com parafina. Os albaneses apertavam o rabo para conterem as cápsulas de heroína rica em cal, pó de talco e farinha. Os russos mantinham-se leitores fiéis de jornais dos quais não compreendiam uma palavra, com os sapatos repletos de papelinhos de cocaína baptizada com aspirina. Nos Mercedes estacionados nos limites da praça, os sérvios de Arkan, os chechenos, os búlgaros, os romenos e os louros quase albinos de algum inferno transasiático comentavam os seus negócios de armas, putas ou material radioactivo. E, no meio de tudo isto, alguma reformada desculpava-se pelos incómodos resultantes do hábito de pôr o caniche a mijar.»

 

Google Street View

(o Big Brother de instantâneo)

vs

O Anjo Vingador de Luis Sepúlveda

(in A Lâmpada de Aladino)

 

«Os polícias afastaram-se, deixando atrás de si uma aragem de nostalgia pelo muro de Berlim, e um vietnamita expôs à chuva um pacote de Winston, o cigarro mais contrabandeado do planeta.»

in O Anjo Vingador (Lâmpada de Aladino)

de Luis Sepúlveda

 

Porque, nem sempre uma imagem vale mais que mil palavras!

 

tags: ,

teias de aranha
Shelfari: Book reviews on your book blog
pesquisar
 
blogs SAPO