by Hellder 'Lage' de Pinho
xiba-te
by Hellder Pinho, em 12.04.10 às 21:19link do post | favorito

Hoje, á entrada da capela para a missa das 7 (19:00 ia lá eu levantar-me cedo) estava tudo em alvoroço, não é que as cabritas (ovelhas mesmo) da tia Micas estavam a comer o feno (vulgo, ou talvez não, forragem) da Zeza do Marco!? Não reconheci nas velhotas perfil para facebook, as suas mãos bem calejadas, por certo estariam mais acostumadas com ratos de pelo do que com ratos de plástico.

No fim da missa e á porta do cemitério, a conversa era outra, o Manel da Mula combinava com o José carpinteiro (que se diz ainda ser da família do Santo) uma reparação aos currais (estábulos, para os leitores brasileiros), daquelas com chapas de zinco, tábuas, pregos e coisas a sério.

Tirando a missa, as cabritas, o feno e os currais (o Jardel até que ficou bem na foto), todo o resto é virtual.

Este post faz parte do meu manifesto anti-farmville (e outras coisas que tais).


teias de aranha
Shelfari: Book reviews on your book blog
pesquisar
 
blogs SAPO